terça-feira, dezembro 12, 2006

Perdición




Perdición

He perdido una vida
pensando que eres posible la confiança
otra hubiera gaño
si lo hubiera compreendido mas cedo
he perdido una vida soñando
poder volar
como vuelan las golondrinas
en el campo
otra hubiera gaño
si hubiera aprendido a nadar como
los peces
he perdido una vida gritando
justicia
otra hubiera gaño
calando-me
para escuchar
he perdido una vida
procurando él amor
mil vidas hubiera gaño
amando simplemente

1 Comments:

Blogger Poliedro said...

Continua gritando bem alto os valores da justiça e da confiança! Sente-las e isso, só te vai dar um valor incalculavel. Ama, quem te ama e estima e verás que serás amado. Nada temas.
Penso que poderás pôr em actividade a tua auto-estima porque mereces e ela é grande. Não suportes a dor! Estarei sempre, lado a lado, com o que escreves. Não o esquecerei. Um bem-haja para ti, sincero e amigo.
Adorei o teu poema. Continua.Nada de desânimos.
Abraço.

9:30 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home